Lista de doações de campanha de Carlomano Marques tem funcionários da prefeitura, terceirizados e assessores de deputado aliado

Lista de doações de campanha de Carlomano Marques tem funcionários da prefeitura, terceirizados e assessores de deputado aliado

Na lista de doações recebidas pela campanha de Carlomano Marques pela reeleição em Pacatuba, constam os nomes de diversos secretários da prefeitura, uma procuradora, funcionários terceirizados e até mesmo assessores de um deputado estadual.

As informações estão detalhadas na página do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Maria Eliane da Penha Almeida, que está descrita no site da Prefeitura de Pacatuba como secretária de Educação, doou R$ 8 mil à campanha. Maiane de Souza Silva, secretária de Finanças, fez doação de R$ 6,4 mil. A secretária de Assistência Social, Glauciane de Sousa Ferreira Rolim, doou R$ 6 mil.

Armando Gomes Marques, secretário de Desenvolvimento Agrário, e seu filho, Armando Gomes Marques Júnior, doaram, respectivamente, R$ 5 mil e R$ 6 mil à campanha de Carlomano. Olímpia Maria Freire de Azevedo, secretária Adjunta da Saúde fez doação de R$ 4 mil. A procuradora Michelle Severo de Mesquita também fez doação de R$ 6 mil para a campanha.

Além dos nomes diretamente ligados à gestão de Carlomano Marques, três funcionárias da Assembleia Legislativa do Ceará também fizeram doações. Maria das Dores Lobo de Freitas e Yeline Lobo de Freitas, ambas assessoras de Gabinete do deputado estadual Leonardo Araújo, doaram R$ 4 mil e R$ 3,9 mil, respectivamente. Leonardo Araújo é do mesmo partido de Carlomano Marques, o MDB.

Uma outra funcionária da Assembleia fez doação mais tímida, de R$ 800. Trata-se de Maria Aurineide Mota de Moraes.

O principal doador da campanha é o médico Wagner Luis Lobo Filgueiras, contratado pela Coopervida (Cooperativa de Assistencia a Saude & a Vida LTDA); ele doou R$ 40 mil através de transferência eletrônica. Conforme o site da própria Coopervida, a cooperativa presta serviços à Prefeitura de Pacatuba.

Há também a doação de Angelino Alves de Freitas, tesoureiro da empresa de consultoria e gestão Capegi, no valor de R$ 17,9 mil. A Capegi tem entre seus clientes a Prefeitura de Pacatuba.