Deputado piauiense do PSD exige do presidente da Assembléia pagamento do tratamento para Covid19 no Sírio-Libanês em São Paulo

Deputado piauiense do PSD exige do presidente da Assembléia pagamento do tratamento para Covid19 no Sírio-Libanês em São Paulo

O transporte em jatinho e o tratamento do deputado estadual Georgiano Neto (PSD do Piauí) no hospital Sírio-Libanês em São Paulo contra a Covid 19 foi paga pela Assembleia Legislativa do Piauí.

O presidente da Assembleia piauiense, deputado, Themistocles Sampaio Filho (MDB), ainda tentou dissuadir o deputado pesedista, mas a pressão foi em vão.

Themistocles alegou que a despesa médica não seria justificável, diante da crise enfrentada pelo Piauí e por toda nação; e também pelo fato do deputado possuir condições financeiras muito acima da média estadual e nacional.

Georgiano Neto é filho do deputado federal Júlio César, também do PSD. Em sua primeira eleição para deputado estadual, em 2014, Georgiano foi eleito com apenas 20 anos. A idade mínima exigida para o cargo é de 21 anos.

Segundo blogs piauienses, o pai do deputado Georgiano teve com o presidente da Assembléia uma conversa dura e enraivecida. O deputado federal Júlio César disse que o filho não estava pedindo nada, que “tinha direito porque era deputado estadual”, ordenando que o presidente da Assembléia cumprisse a obrigação, “caso contrário poderia sofrer conseqüências.”

Image