Política

Danilo Forte responsabiliza José Guimarães por aumento na gasolina no Brasil

Danilo Forte responsabiliza José Guimarães por aumento na gasolina no Brasil
Vice-líder do União Brasil critica manobra do líder do Governo Lula na Câmara

O vice-líder do União Brasil, deputado federal Danilo Forte (União-CE), criticou a manobra do líder do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE), em aumentar o imposto sobre a gasolina na Medida Provisória 1147/22, que trata do setor de eventos. Para o deputado, trata-se de um tema estranho ao texto, o que é chamado de “jabuti”.

Autor da Lei que reduziu o do ICMS sobre a gasolina e outros itens essenciais, Forte criticou a não inclusão da gasolina entre os itens desonerados na proposta, como o diesel, biodiesel e gás de cozinha (GLP)

O governo havia enviado, inicialmente, uma MP que previa a reoneração de impostos federais sobre a gasolina e o álcool, mas estendendo até o fim do ano a isenção de tributos sobre os demais produtos. Como a medida está próxima de perder a validade, Guimarães acrescentou de última hora os dispositivos na MP.

“Quando você desonera o álcool, o diesel, o gás de cozinha e o gás natural e deixa de fora a gasolina, automaticamente você está reonerando a gasolina. Assuma a responsabilidade, você está reonerando a gasolina, que é no mínimo 11% que aumenta da bomba”, argumentou Danilo, acrescentando que há previsão orçamentária para garantir a desoneração da gasolina

Danilo disse ainda que o movimento do governo vai incentivar o aumento dos combustíveis em território nacional, o que motiva a alta da inflação e, consequentemente, dos preços de vários produtos básicos ao consumo popular.

By: Redação CN7