Política

Nem Míriam Leitão concordou com falas de Lula na China

Nem Míriam Leitão concordou com falas de Lula na China

A posição do ex-presidente Lula a favor da Rússia em meio à crise diplomática com a Ucrânia gerou descontentamento não só nos Estados Unidos e na Europa, mas também em renomados jornalistas brasileiros. Míriam Leitão, por exemplo, criticou a fala de Lula durante sua visita à China e aos Emirados Árabes Unidos.

A jornalista afirmou que Lula errou ao se posicionar a favor da Rússia, criando uma crise diplomática entre Brasil, Estados Unidos e Europa. Em seu comentário, Míriam Leitão ainda mencionou a aproximação do Brasil com a China e agora com a Rússia, que é vista com desconfiança pelos países ocidentais.

A posição de Lula em favor da Rússia criou uma crise diplomática que evidencia a complexidade das relações internacionais e a importância da diplomacia em momentos delicados como este. O Brasil, que tem uma posição histórica de defesa da paz e da negociação como forma de resolução de conflitos, precisa avaliar com cautela suas alianças internacionais e não se deixar levar por interesses alheios ao bem-estar do país e de seus aliados.