Política

Nikolas Ferreira poderá ser o maior desafio de Camilo Santana na educação

Nikolas Ferreira poderá ser o maior desafio de Camilo Santana na educação

A surpreendente escolha do deputado Nikolas Ferreira (PL-MG) para a presidência da Comissão de Educação pelo PL deixou a articulação política do governo em alerta. Fontes consultadas pela CNN indicam que o ministro Camilo Santana deverá intensificar sua postura no enfrentamento político.

"Ele vai ter que tocar um pouco mais de bumbo do que de violino", comentou uma fonte do governo, em uma alusão ao necessário endurecimento da postura, citando o ex-ministro da Justiça e atual ministro do STF, Flavio Dino.

Camilo Santana, titular da Educação, é reconhecido por seu estilo afável e discreto desde que assumiu o cargo na Esplanada. Até o momento, o ministro não se pronunciou sobre o assunto, apesar das tentativas de contato.

A articulação política governamental, por sua vez, tenta minimizar o impacto das nomeações de membros da oposição para as comissões de Educação e de Constituição e Justiça, ressaltando que a agenda econômica permanece intacta.

A Comissão Mista de Orçamento, por exemplo, ficou sob a responsabilidade do PP, liderado por Arthur Lira, presidente da Câmara. Ainda não há um nome definido, mas informações obtidas pela CNN indicam que será alguém mais alinhado com o governo.

Fontes próximas ao presidente da Câmara relatam que Lira tentou evitar a escolha de nomes tão contrários ao governo, mas enfrentou obstáculos diante das investigações envolvendo Jair Bolsonaro (PL) e a prisão de Valdemar Costa Neto.

De acordo com apurações da CNN, a resistência foi tão intensa que os partidos de oposição chegaram a ameaçar boicotar o quórum para a instalação das comissões. Lira, então, teria alertado que, em caso de paralisação, todos os trabalhos legislativos seriam interrompidos até junho, segundo fontes. Um acordo foi alcançado nesse momento crucial.

O embate entre Camilo Santana e Nikolas Ferreira, portanto, promete ser um dos pontos de destaque nos debates políticos na Câmara dos Deputados, refletindo as tensões e os interesses em jogo no atual cenário político brasileiro.