Política

Live de Bolsonaro atropela Lives de Lula em audiência

Foto: @EDUARDOBOLSONAROSP via Youtube

A live realizada pelo ex-presidente Jair Bolsonaro e seus três filhos políticos no domingo, 28, atraiu mais espectadores do que todas as transmissões feitas individualmente pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva desde o início de seu mandato no ano passado.

Bolsonaro e seus filhos promoveram uma transmissão ao vivo para lançar um programa de formação para candidatos a vereador e intensificar a polarização com o PT nas eleições municipais deste ano.

O programa da família Bolsonaro registrou uma audiência de 443.352 visualizações simultâneas às 19h50, somando as redes de Bolsonaro e do deputado Eduardo Bolsonaro. Até o momento, o vídeo com maior audiência do programa "Conversa com o Presidente", no canal oficial de Lula no YouTube, é de junho de 2023 e tem 191 mil visualizações. Vale ressaltar que o atual presidente não realizou novas transmissões em 2024.

A audiência simultânea de Bolsonaro superou as duas lives mais populares de Lula até o momento. O ex-presidente aproveitou essa comparação para provocar o petista, dizendo: "Parece até que o Lula vai dormir, aproveitar que ele está recém-casado, em vez de falar eu te amo, ele fala Bolsonaro, aí a live brocha".

Bolsonaro deu até mesmo um "conselho" ao petista, sugerindo que ele fale sobre seu governo em vez de criticar Bolsonaro. Ele ressaltou a importância da verdade e afirmou que mentir não leva a lugar algum.

Diferente das lives anteriores, a live de Bolsonaro contou com câmeras e microfones profissionais, proporcionando uma melhor qualidade de áudio e vídeo. A bandeira do Brasil estava presente na mesa, mas não houve a presença de um intérprete da Língua Brasileira de Sinais (Libras), como em suas transmissões semanais anteriores.

Bolsonaro mencionou que estava com saudade das transmissões e das conversas com seus apoiadores, mas não expressou o desejo de voltar a falar ao vivo com a mesma frequência de antes. Ele afirmou que, como ex-presidente, é necessário falar menos para permitir que o outro lado se pronuncie mais.

A live de domingo teve um objetivo comercial, divulgando uma plataforma de treinamento para candidatos liderada por Eduardo e pelo vereador Carlos Bolsonaro. O valor para se tornar membro do programa é de R$ 297,90.

De acordo com o Estadão, as transmissões semanais de Lula no primeiro ano de governo não alcançaram a mesma audiência do seu antecessor. A Secretaria de Comunicação da Presidência (Secom) alega que houve uma mudança nos algoritmos do YouTube e que o objetivo principal do programa foi alcançado com vídeos mais curtos extraídos das transmissões.