Zagueirão do timaço do Santa de 75, Lula Pereira se vai aos 64

Zagueirão do timaço do Santa de 75, Lula Pereira se vai aos 64

Por Ricardo Antunes, com informações do Globo — Morreu neste domingo o ex-técnico Lula Pereira. Aos 64 anos, ele não resistiu diante de problemas cardíacos decorrentes de um acidente vascular cerebral (AVC).

Ele jogou pelo Santa na década de 70 e participou do time que quase chega a final contra o Internacional. Depois foi técnico do Ceará e do Flamengo. Uma vez o encontrei no aeroporto de Brasília. Ele já era técnico de futebol.
 
Fiz a única pergunta possível: “Por que você não baixou o sarrafo em Palhinha?”. Ele abriu aquele sorrisão e me deu um abraço. Na ocasião, o Santa Cruz foi derrotado por 3 x 2 pelo Cruzeiro no Arruda, o que tirou o time da final.
 
Pernambucano de Olinda, Lula Pereira treinou o Flamengo em 2002 e teve passagens também por Ceará, Botafogo-SP, Portuguesa e América-MG. Desde 2012 ele não comandou mais equipes. Em 2016, chegou a ser diretor técnico do Ferroviário.

Em 2019, ele sofreu o AVC que minou sua saúde. Enquanto jogador na década de 1970, Lula Pereira foi um zagueiro que teve no currículo times como Sport e Santa Cruz.

Na passagem pelo Flamengo em 2002, que começou em abril daquele ano ao substituir Carlos César, ele montou um time que deu espaço para o brilho de Andrezinho, Hugo e Liedson.

Conhecido pelo bom humor, Lula Pereira ajudou a apaziguar os ânimos em tempos conturbados na Gávea. Em entrevista ao GLOBO, na época, ele chegou a dizer:

– Não tenho a cara do Flamengo porque o Flamengo é lindo.

Lula Pereira foi demitido quatro meses depois. Ele ainda brincava com a própria posição no mercado de treinadores:

– Só me chamam quando o dinheiro acaba e depois que a fonte seca.

O Ceará decretou luto de três dias pela morte de Lula Pereira. Na passagem pelo Vozão como jogador, ele conquistou quatro estaduais: em 1980, 1981, 1984 e 1986. Como técnico, ganhou a edição de 1998. Lula Pereira foi o quarto treinador com mais partidas à frente do Ceará.