Um relatório reservado do TCU (Tribunal de Contas da União) apontou irregularidades no empréstimo de R$ 3,2 milhões de um fundo público a uma empresa do senador Luiz Pontes (PSDB-CE), 45, braço direito do governador do Ceará, Tasso Jereissati (PSDB).

Publicado em Fabuloso
© 2017 Ceará em Off. Todos os direitos reservados.Designe e Programação Equipe CEOFF

Procurar