Quarta, 14 Março 2018 11:12

Em meio à maior crise de segurança pública de sua história, o Governo do Ceará licita 60 milhões para propaganda Destaque

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)
Com tanta verba em propaganda os escândalos vão parar debaixo do tapete Com tanta verba em propaganda os escândalos vão parar debaixo do tapete Ceará em Off

Com este valor o Governo do Estado poderia pagar 10 mil novos soldados da polícia militar pelo período de um ano.

Investir os 60 milhões destinados a propaganda do governo do estado na contratação de novos policiais, significaria o fortalecimento da corporação em 63%. Estima-se que o estado conta com pouco mais de 16 mil policiais. O acréscimo de 10 mil homens representaria um fortalecimento, inestimável, no combate ao crescente índice de violência.

Nos três primeiros meses de 2018, no Ceará, 35 pessoas foram mortas em quatro chacinas. A morte de sete pessoas no Benfica, em Fortaleza, na noite da última sexta-feira (09), marcou o quarto crime com essas características.

07/01 – Chacina com 4 vítimas na Serra Pelada em Maranguape.

27/01 – Chacina com 14 vítimas no bairro Cajazeiras em Fortaleza.

29/01 – Chacina com 10 vítimas no presídio de Itapajé.

09/03 – Chacina com 7 vítimas no bairro Benfica em Fortaleza.

O Ceará já havia registrado um número recorde de assassinados em 2017, quando 5.134 pessoas foram vítimas de mortes violentas no estado. A quantidade de homicídios cresceu 50,7% em relação a 2016, quando a Secretaria de Segurança havia confirmado 3.407 homicídios em todo o estado.

Ler 596 vezes Última modificação em Quarta, 14 Março 2018 16:44

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Siga-nos

Newsletter

Cadastre-se e receba nossos informativos.

Enquete

Qual desses possíveis candidatos você considera o melhor para o Ceará?
© 2017 Ceará em Off. Todos os direitos reservados.Designe e Programação Equipe CEOFF

Procurar