Economia

Procura por crédito do BNB para inovação triplica em um ano

Procura por crédito do BNB para inovação triplica em um ano

Recife (PE), 11 de maio de 2023 – O Banco do Nordeste (BNB) destinou R$ 1,64 bilhão a projetos de inovação em toda a sua área de atuação em 2022, cerca de R$ 1 bilhão a mais do que o contratado no ano anterior. Além disso, a instituição triplicou a quantidade de projetos financiados, passando de 276 em 2021 para 838 no ano passado.

Em Pernambuco, os empreendimentos receberam do BNB R$ 109 milhões em 2021 e 126 milhões em 2022 para inovarem em suas atividades. Os recursos podem ser usados na implementação de produtos ou serviços e melhoria tecnológica, contemplando aquisição de bens e capital de giro associado ao investimento.

De acordo com o presidente do Banco do Nordeste, Paulo Câmara, a elevação da procura é indicativo de que as empresas situadas na área de atuação do Banco estão atentas a fatores como competividade, alcance de novos mercados e melhoria de eficiência. O executivo informa que o BNB reservou, inicialmente, para este ano, R$ 1,35 bilhão para financiar projetos de inovação, mas o crédito pode ser ampliado conforme o aumento da demanda. Para Pernambuco, estão previstos R$ 251 milhões.

“Para criar uma ambiência favorável à inovação, o BNB adota diferentes estratégias, como a atuação de seu Hub de Inovação, subvenção econômica para projetos inovadores, por meio do Fundo de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Fundeci), e financiamento de projetos produtivos com o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). Essas políticas refletem o compromisso do BNB em apoiar a inovação e o desenvolvimento econômico e social da Região”, afirma Câmara.

O BNB possui linha de crédito exclusiva para apoiar projetos inovadores, no campo e na cidade, chamada FNE Inovação. O objetivo é promover a inovação em produtos, serviços, processos e métodos organizacionais nos empreendimentos. As taxas de juros para propostas no âmbito urbano estão entre 7,33% e 9,66% ao ano, e o prazo de pagamento pode chegar a 15 anos. No meio rural, os empreendedores têm acesso a taxas ainda mais baixas, entre 6,67% e 6,82% ao ano. As condições variam conforme localização, finalidade do projeto e porte do empreendimento.

Etene destaca diversidade de projetos

Pesquisa realizada pelo Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene) constatou a diversidade de projetos de inovação contemplados com financiamentos do Banco do Nordeste nos últimos dez anos. Entre eles, o estudo destaca os voltados para automação da irrigação das culturas agrícolas, geração de energia limpa, desenvolvimento de aplicativos para a educação, na área de serviços médicos, bem como para o comércio varejista, com a implementação de empreendimentos que operam o comércio on-line.

O gerente executivo da Célula de Avaliação de Políticas e Programas do Etene, Airton Saboya, ressalta a efetividade dos financiamentos do FNE Inovação, que contribuíram para aperfeiçoar produtos e serviços dos empreendimentos financiados pelo Banco, colaborando ainda para alavancar o faturamento das empresas beneficiadas com recursos do FNE.

Por: Blog EdmarLyra